A NR35 é a Norma Reguladora dos trabalhadores que trabalham em grandes alturas ou como a própria norma estabelece, acima de 2 metros do chão. Segundo a norma, essa é a altura mínima que uma pessoa pode se machucar, caso acontece quedas.

No Brasil milhares de profissionais se deparam com a necessidade de trabalhar em grandes alturas e a NR35 foi criada, para não só regulamentar como trazer regras e cuidados desses profissionais e empresas, na prevenção de acidentes. O país figura o 4º lugar no mundo em acidentes de trabalho e dados de 2013 informam que 40% desses acidentes são de profissionais trabalhando em alturas elevadas.

Neste artigo, veremos o que é e algumas dicas de segurança NR35 para o trabalho nas alturas, e como se preparar para trabalhar com as normas NR35, além de conhecer o mercado e garantir a segurança de sua empresa.

O que é NR35

Para os profissionais que precisam trabalhar em alturas elevadas como é o caso de limpadores de vidros em prédios, eletricistas, operários da construção civil entre outros, era necessário que houvesse regras que estabelecessem a segurança dessas pessoas e consequentemente um trabalho mais bem feito e tranquilo.

Assim nasceu a NR35, Norma Regulamentadora do setor que visa trazer vários benefícios e regras de segurança como:

  • Assegurar a AR (Análise de Risco) e a PT (Permissão de Trabalho);
  • Realizar Avaliação prévia do local de trabalho e suas condições pelo planejamento e medidas aplicáveis de segurança;
  • Informar aos trabalhadores sobre os riscos e as medidas cabíveis para segurança;
  • Garantia que trabalhos sejam feitos, apenas depois da medidas de proteção da NR35;
  • Ter um sistema organizado e eficiente de autorização de trabalhadores para trabalhar em alturas elevadas.

Cabe aos trabalhadores responsabilidade e seguir a NR35 de maneira obrigatória e rígida para garantir sua segurança e a de outros profissionais e a continuidade do serviço até sua conclusão. Cabe ao trabalhador também, recusar-se caso o trabalho apresente situações de risco e deve este profissional, pontuar essas situações e garantir que elas sejam sanadas para que o trabalho transcorra normalmente.

Dicas do que não fazer em alturas elevadas

Muitos profissionais que trabalham em grandes alturas, pelo costume e prática acabam colocando suas vidas em risco e também de outras pessoas, além de comprometer o trabalho como um todo.

alturas elevadas

Por conta disso a NR35 foi criada, porém é comum que algumas falhas aconteçam e para evitar problemas, eis algumas dicas do que deve e não fazer quando trabalhar nas alturas:

  • O profissional é obrigado a usar uniforme e equipamentos de segurança como cinto especial, botas e luvas;
  • Sobrecarga de escadas- Cuidado com a sobrecarga na escada quando levar objetos e produtos para o local de trabalho nas alturas. Sempre obedeça o peso limite da escada;
  • Todo profissional que trabalho em alturas elevadas, precisa estar bem treinado e capacitado para exercer o trabalho;
  • O profissional deve ter certeza que todo seu equipamento de segurança é compatível com o tipo de serviço prestado e garante que suporte seu peso e de outros produtos e objetos;
  • Não pode o profissional ter qualquer tipo de doença que causa tremores ou tonturas, caso esteja com algum problema de saúde dessa forma, é necessário que o profissional se ausente de qualquer tipo de trabalho em alturas elevadas até a saúde completa.

Prepare-se para nr35 e vá as alturas do sucesso

Os profissionais que seguem a NR35 precisam conhecer bem a norma e exercê-la em sua totalidade, porém para isso, é preciso conhecimento e treinamento, além de cursos NR35 que facilitem o entendimento e melhor afixação das normas regulamentadoras. A NR35 garante a segurança dos profissionais e um trabalho de melhor e maior qualidade.